A honestidade é a base do nosso trabalho

Dividida entre França e Portugal, a CG2M prima pelo respeito cri­terioso das normas de segurança e por ter na honestidade o prin­cipal fio condutor da sua atuação.

Especializada em carpintaria de alumí­nio e aço, serralharia e produção de estruturas metálicas, a CG2M nasce no dia 1 de março de 2013, fruto da forte experiência neste setor de João Gomes, atu­al gestor da unidade de produção, e Patrice Chambon, responsável pela área comercial. « Queríamos implementar um projeto nos­so, onde pudéssemos colocar em prática as nossas ideologias de negócio, forman­do uma empresa competitiva e qualificada para atender às demandas do mercado’: introduz João Gomes sobre as razões que o levaram a si e ao seu sócio a fundar a empresa. Concretamente, a CG2M é es­pecializada no fabrico de portas, gradeamentos e outras estru­turas, trabalhando na proteção de grandes condomínios em França e Portugal, mas também de construções ou prédios novos ou restau­rados. Pontualmente, a empresa desenvolve ainda « obras mais arrojadas », como escada­rias pesadas e trabalhadas e escadarias de emergência exterior.

EXIGÊNCIA DE SEGURANÇA
Situada em Carvalhosa, freguesia do con­celho de Paços de Ferreira, a CG2M prima por cumprir escrupulosamente as normas de segurança exigidas e esse é um dos pon­tos fortes da empresa. Além disso, todos os projetos são feitos de forma personalizada. « Não fazemos produção em série. Cada obra é uma obra. Por isso, fazemos um le­vantamento do terreno e, conforme as me­didas, tentamos ir ao encontro do trabalho do arquiteto, desde que não ponha em cau­sa a segurança. Ou seja, queremos ter um resultado final consensual entre as normas impostas e que seja também satisfatório para o cliente final ».

A empresa distingue-se ainda pela capaci­dade de trabalhar com todos os materiais, desde aço, ferro, alumínio, inox entre ou­tros, trabalhando com fornecedores que lhes dão as melhores garantias. Precisa­mente, a CG2M possui uma larga rede de fornecedores qualificados e certificados, como Qualisteel, Qualicoat, Vi-Cékal, entre outros. « Cada vez mais o ferro lacado está a ser aproveitado para proteção de edifícios e marcamos a diferença pelo nosso trabalho, design e inovação ».

A honestidade está também presente em todas as ações da entidade, que nunca vira as costas às suas responsabilidades. Mas, como já referido, o respeito pela segurança caracteriza, de facto, a atuação da CG2M, principalmente quando marcam presença num país tão exigente como França no que diz respeito a estas normas. Por isso, tanto os responsáveis como os restantes ele­mentos, fazem questão de se atualizar constan­temente sobre a nova legislação estando sempre atentos às principais novidades.

UMA EQUIPA QUE VESTE A CAMISOLA
Dotada de uma equipa competente, com know­how, e especializada para fornecer uma resposta eficiente e de excelências às necessidades dos clientes, a CG2M conta ainda com o trabalho de wn gabinete de design e um engenheiro que, entre outras tarefas, se dedica ao desenvolvi­mento de projeto e às notas de cálculo das estruturas. « Conseguimos constituir uma equipa de topo devido à seleção criteriosa que fomos fazendo ao longo destes anos de atividade. To­dos os trabalhadores vestem a camisola em prol da empresa Ademais, sempre apostámos na formação dos nossos colaboradores não só porque queremos que desempenhem um ser­viço de qualidade, mas porque queremos que cresçam enquanto profissionais. Entre a própria equipa, existe um espírito de entreajuda, em que os elementos mais experientes e com mais anos de casa apoiam os mais novos. A nossa ideia é que se os colaboradores não evoluírem, a empresa não evolui também. Temos, in­clusive, trabalhadores que saíram daqui para abri­rem um negócio por conta própria e hoje são nossos parceiros, o que para nós é motivo de orgulho ».
Ao fazerem uma ava­liação inicial precisa do projeto, a GC2M conse­gue garantir orçamentos precisos. « Não avançamos com nenhum projeto sem ficar tudo escla­recido e aceite pelo cliente. Somos muito transparentes. O que fica acordado é o que acontece, não há surpresas ». O cumprimento de prazos também nunca é menosprezado.

A aposta no mercado francês, além do terri­tório português, não surgiu por acaso. O só­cio Patrice Chambon nasceu em França, ten­do vários contactos naquele país. Além de ter sido particularmente vantajosa quando a em­presa foi fundada, momento em que Portugal ainda sentia os efeitos da crise económica. A GC2M já atuou também na Suíça.
As obras emblemáticas já são muitas nos dois países. João Gomes deixa um exemplo: na es­cadaria realizada para a Redbull, em Paris, que representou um enorme « desafio ».

A CG2M tem crescido bastante e está ao nível das maiores empresas portuguesas, tendo sido agraciada com um dos mais importantes pré­mios empresariais portugueses: o PME Exce­lência O segredo? Para João Gomes, a hones­tidade e entrega são os seus bens mais valiosos.

O objetivo para o futuro mais próximo é inte­grar na nova dinâmica, ao nível da equipa e das instalações, « se continuarmos a crescer da forma que temos crescido ». « Preferimos expan­dir de forma orientada e sustentada.